Notícias



Wagner e ACM Neto entram em acordo, e governo assume obras do metrô

 

O prefeito ACM Neto explicou na manhã desta sexta-feira (5), após reunião com o governador Jaques Wagner, como funcionará a integração entre ônibus e metrô na capital baiana e os valores de tarifa. A transferência do modal sobre trilhos do Município para o governo foi acertada pelos dois gestores, que assinarão um termo de compromisso na próxima segunda (8). Neto garantiu que a passagem de ônibus não irá aumentar na capital baiana. “Depois que o sistema do metrô definir quanto vai cobrar, o que será repassado para o sistema do ônibus? R$ 1,10. Quem vai definir a tarifa do metrô é o sistema do metrô, com a liderança do governo do Estado. O que será repassado para a prefeitura, com base nesses R$ 2,80 que a gente cobra hoje, é R$ 1,10”, declarou o prefeito. O democrata definiu o acerto com Wagner como um “ato de maturidade política” e comemorou o fato. “Graças a Deus, depois de 12 anos de impasse, a prefeitura, com três meses, chega um entendimento com o governo, o que vai viabilizar a complementação da Linha 1 e a construção da Linha 2”, estimou.

Fonte: Metro1

 



SINDICATO DOS TRABALHADORES EM EMPRESAS DE TRANSPORTES FERROVIÁRIO E METROVIÁRIO DOS ESTADOS DA BAHIA E SERGIPE.
Rua do Imperador, nº 353 - Mares - Salvador-BA | Tel: (71) 3505-1263 - Tel: (71) 3505-1258
Diretoria de Comunicação: Guilhermano da Silva Filho | Jornalista: Rodolfo Ribeiro ( DRT/BA - 3452 )

SINDIFERRO. © 2021. Todos os direitos reservados.