Notícias



Comissão vai investigar descarrilamento do metrô de Salvador

O secretário de Desenvolvimento Urbano da Bahia (Sedur), Manuel Ribeiro Filho, nomeou uma comissão de sindicância para apurar e identificar as causas do incidente envolvendo o metrô de Salvador, que saiu dos trilhos na última terça-feira, 4.

A portaria foi publicada na edição do fim de semana do Diário Oficial do Estado (DOE). Dentre as resoluções, está o prazo de 30 dias para que a comissão apresente o relatório da investigação.

A comissão de sindicância é composta pelo diretor de obras da Companhia de Transportes do Estado da Bahia (CTB), Hernani Balthazar da Silveira Junior, o coordenador de manutenção e operação da CTB, Carlos Antônio Araújo Bastos, e a especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental da Sedur, Ana Cláudia Ferrari.

O incidente com o metrô aconteceu cinco meses após o início da operação assistida. o último vagão da composição descarrilou por volta de 10h30, em uma bifurcação após a estação do Retiro e perto do Acesso Norte.

Uma das pessoas que estava no trem foi a contadora Alaíde Macedo, que desceu nos trilhos juntamente com os outros passageiros e fez o restante do percurso a pé. “Ouvimos um tombo, mas os funcionários nos orientaram a sair em fila e nos conduziram até a estação”.

Em nota, a CCR Metrô Bahia informou que um problema técnico fez com que o último carro da composição mudasse de via, na altura do trecho onde estão sendo feitas as obras de ligação entre a linha 1 e linha 2.

Fonte: Jornal A tarde



SINDICATO DOS TRABALHADORES EM EMPRESAS DE TRANSPORTES FERROVIÁRIO E METROVIÁRIO DOS ESTADOS DA BAHIA E SERGIPE.
Rua do Imperador, nº 353 - Mares - Salvador-BA | Tel: (71) 3505-1263 - Tel: (71) 3505-1258
Diretoria de Comunicação: Guilhermano da Silva Filho | Jornalista: Rodolfo Ribeiro ( DRT/BA - 3452 )

SINDIFERRO. © 2021. Todos os direitos reservados.