Notícias



Mais um trem descarrila na Bahia

Com a malha ferroviária caindo aos pedaços, os acidentes na Bahia estão cada vez mais frequentes envolvendo trens. O último ocorreu no dia 28 de janeiro, no final do Ramal do Porto de Aratu, no pátio da Magnesita, em Simões Filho, quando uma locomotiva descarrilou e semi tombou.  Por sorte, o maquinista da composição, que puxava apenas três locomotivas, não se feriu gravemente.

Alerta do Sindicato

Nos últimos anos, o SINDIFERRO – Sindicato dos Trabalhadores Ferroviários e Metroviários da Bahia e Sergipe tem denunciado, de forma incessante, à empresa FCA/VLI/VALE e órgãos federais, acerca das péssimas condições, em que se encontra a ferrovia nos estados da Bahia e Sergipe (há mais de 10 anos que a ferrovia sergipana deixou de operar).

Nos últimos anos, aconteceram inúmeros acidentes nos trechos operados pela FCA/VLI/VALE, na Bahia. Faltam investimentos em manutenção, onde se necessita, urgentemente, da substituição dos trilhos e dormentes, que estão podres e com vida útil ultrapassada. Necessita-se também de limpeza e regularização de valetas, bueiros e encostas.



SINDICATO DOS TRABALHADORES EM EMPRESAS DE TRANSPORTES FERROVIÁRIO E METROVIÁRIO DOS ESTADOS DA BAHIA E SERGIPE.
Rua do Imperador, nº 353 - Mares - Salvador-BA | Tel: (71) 3505-1263 - Tel: (71) 3505-1258
Diretoria de Comunicação: Guilhermano da Silva Filho | Jornalista: Rodolfo Ribeiro ( DRT/BA - 3452 )

SINDIFERRO. © 2021. Todos os direitos reservados.